Controlar tamanho da fonte

A- A A+


Links úteis

SlideBar
altA nova procuradora-geral de Contas junto ao Tribunal de Contas do Estado de Goiás, Maísa de Castro Sousa Barbosa, tomou posse hoje (17/fev), com um discurso que reforça a missão de “fiscal da legalidade” do Ministério Público Especial junto ao TCE, prometendo buscar a intrumentalização da unidade, “rumo a novas etapas e projetos”. A solenidade, dirigida pelo presidente do Tribunal, Edson Ferrari, contou com a presença do governador Marconi Perillo, da presidente da Associação Nacional do MP de Contas (Ampcon), Evelyn Pareja, conselheiros, auditores e servidores do TCE-GO, representantes dos poderes Executivo, Legislativo, Judiciário e Ministério Público e familiares da procuradora-geral empossada.

Na oportunidade, o procurador de contas que deixou o cargo, Sandro Alexander Ferreira, agradeceu o apoio dos demais procuradores e da equipe de servidores da PGC. Ele fez um balanço de sua gestão no Ministério Público Especial ressaltando a importância do “maior número de procuradores, a qualificação técnica, o consenso e a meritocracia”. Sandro parabenizou a nova procuradora-geral e deixou uma mensagem de otimismo.

Gerson Bulhões, corregedor-geral do TCE, saudou a empossada em nome dos conselheiros, lembrando ser ele o primeiro nomeado na cota que a Constituição assegura aos membros do Ministério Público Especial. Ele ressaltou que Maísa será a primeira mulher a ocupar a chefia da PGC, destacando que a presença feminina na composição superior da Instituição aflorou, no primeiro momento, com a conselheira Carla Santillo, depois com a auditora Heloísa Helena e com a procuradora de Contas Maísa Barbosa, hoje titular da Procuradoria Geral. “Ela enriquece e abrilhanta nosso Tribunal com seus predicados profissionais e pessoais”.

Maísa de Castro Sousa Barbosa agradeceu a confiança nela depositada pelos seus pares e pelo governador do Estado e pediu a colaboração de todos para a nova empreitada. A procuradora-geral ressaltou o trabalho dos ex-procuradores Sandro Alexander Ferreira e Fernando dos Santos Carneiro, “que contribuíram sobremaneira para o crescimento, conhecimento e estruturação do Ministério Público Especial”.

Maísa de Castro Sousa Barbosa é bacharel em Direito desde 2001, com pós-graduação pela Escola Superior da Magistratura do Estado de Goiás. Natural de Rio Verde, foi aprovada no concurso público promovido pelo TCE-GO para Procurador de Contas em 2008.
Confira as fotos da posse, na seção Álbum Fotográfico, e o discurso de saudação, do conselheiro Gerson Bulhões, na seção Artigos e Publicações.